segunda-feira, 16 de julho de 2012

Brasileiros fogem da crise em Portugal e pioram situação de pequenas cidades


A garrafa de cachaça quase cheia denuncia: faltam clientes brasileiros no Bar do Armando, no centro de Ericeira, em Portugal.

A pequena cidade a 50 km de Lisboa é um dos redutos de imigrantes do Brasil. Com a crise na Europa, porém, retornaram ao país, secando a economia de cidades inteiras.

Nos povoados da Costa da Caparica, onde a baixa de brasileiros foi maior, supermercados vendem até 60% menos, pequenos shoppings foram abandonados, restaurantes ficaram vazios e 40% de agências imobiliárias pararam de funcionar.

Com menos contribuições, a prefeitura teve que cortar vencimentos de funcionários.
"Os brasileiros eram consumidores diários. Com certeza afetou bastante nossa economia", diz à Folha o prefeito das vilas da Costa da Caparica, Antonio Neves.



Fonte: Folha de SP

26 comentários:

  1. Olá minha querida amiga,
    Como se costuma dizer, há mais maré do que marinheiros. Até os portugueses fogem em debandada deste país de merda, entregue aos abutre da tróika; FMI/BCE/CE. Quanto ao povinho que ainda por cá resta, está apático e resignado a saborear a miséria. Em Espanha não param de barafustar e de gritar pelos seus direitos, desde que a tróika lhes está a impor as suas regras. Nós já temos dois anos de tróika, eles começaram agora a sentir as restrições... já temos tudo, mas tudo privatizado, só a água ainda não foi mas estão a tratar disso. Quanto à Grécia, nada lhes adiantou barafustar e também está toda privatizada. Neste momento a ditadura europeia é imbatível, especialmente porque as pessoas entorpecem a mente, com a arma mais poderosa dos ditadores: Os Média e entretenimento. São grandes consumidores e isso tolhe-lhes a acção e mais ainda, assim não h+a estratégia que nos valha a nós, uma minoria "acordada" para o que realmente se passa.
    Para mim estamos na aurora de uma nova guerra mundial, "fabricada" e o pior será o pós guerra.
    O mundo será de poucos privados, das corporações e nós seremos alvos a abater sem dinheiro para consumir. Será uma escravatura tecnológica radical, que já leva um bom avanço na Europa.

    Um beijinho para si, Pri e seus filhotes e um abração ao Carlos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fada minha querida,boa noite!

      Tu sabes que por cá o bolo é novo mas as moscas são as mesmas,srsrsr. Os governantes estão aflitos em atingir as metas ditados pelos bacanos da Fifa que agora todos os olhos estão voltados para o evento da copa de 2014. O que já estava ruim está muito mas muito pior. Exemplo disso é o choro de lamentação de muitos cariocas que aplaudiram o exito do brasil quando foi escolhido como país sede deste evento e agora estão lamentando a perda de suas casas pois os mesmos estão no meio no caminho então é preciso abrir alas. E só para constar em todo o país cerca de 170 mil moradores foram removidos sem aviso prévio de suas casas e a maioria delas em terreno particular,quer dizer então tem também a questão da invasão dos direitos do cidadão que paga seus imposto e todo o monte de tralha que tem pagar pra dizer que vive conforme as leis.

      Vocês ai ainda fazem algum barulho,aqui todos choram mas não tomam nenhuma atitude,claro pois o povo é pacifico demais para deixar as futilidades de lado e acordar da inercia a qual estão aprofundados.

      A você,sua filha e seu esposo desejamo tudo de bom!
      Beijos Pri:)

      Excluir
  2. A verdade é que os brasileiros eram muito mal tratados em Portugal, notadamente diferente da forma que tratamos os mesmos por aqui.....

    "" Em 2009, quando a crise econômica na Europa ainda estava no começo, uma pesquisa da Agência de Direitos Fundamentais da União Europeia revelou que 44% dos 64 mil brasileiros em Portugal tinham sofrido algum tipo de preconceito nos últimos 12 meses""

    Veja os vídeos abaixo, como os brasileiros são retratados, leia também os comentários do vídeos:

    http://youtu.be/kWLgC9eecJc

    http://youtu.be/HltrYMSYod8

    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,boa noite! Obrigada por estar entre nós.

      Eu vi os videos e li os comentários, e acho lastimável o tempo que as pessoas perdem querendo ou não provar quem é melhor ou pior visto estarmos todos na mesma situação.

      Essas rivalidades apenas servem para tirar o foco do que realmente importa.

      Excluir
  3. Também ouvi falar disso 493a3124-6125-11e0-b569-000bcdcb471e e desde já lhe digo, que lidei com poucos brasileiros pessoalmente na minha vida, mas são muito mais simpáticos, dóceis e agradáveis do que os portugueses, pela pouca experiência que tenho e não tenho preconceito em dizer isso. Sinto neles a alegria de viver que falta aos portugas!

    Uma vez pergubtei a uma brasileira se os brasileiros se sentiam ainda ressentidos pela colonização portuguesa e fiquei boquiaberta quando me disse que em certas regiões do Brasil eram odiados. Eu por mim acho que preconceitos e descriminação num Povo irmão, é deplorável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fadinha agora estamos todos no mesmo barco,temos que dar as mãos e nos unirmos, as pessoas perdem muito tempo em sua ignorância criticando o país do outro. Aqui no bairro onde moramos temos portugueses que possuem panificadoras ou padaria não sei como se chama ai, e somos bem tratados por eles. Alguns são até bem brincalhões.
      O que vale é respeitar cada um indiferente de seu país de origem.

      Excluir
    2. Olá Pri, não caia nessa...estas rivalidades são do judeu... do Nelson Silva, que chamou Skinhead ao Carlos seu marido, do Anónimo louco lá do meu blogue a agora assumiu a identidade de 493a3124-6125-11e0-b569-000bcdcb471e, sem perfil à vista em lado nenhum! Deixe-o destilar o seu ódio... é nisso que eles são bons e na manha!

      É o único povo que não é irmão de ninguém... são os eleitos, os escolhidos. Para eles inclusão não existe, apenas excluem.

      "Digam o que quiserem, neguem o que quiserem negar, montem grandes teorias ou sistemas mas, em realidade, o judaísmo ou a religião judaica, é esse amálgama de movimentos ditos religiosos, e de ateus fanáticos, e de acadêmicos, e de seitas com as mais variadas aparências e tendências, algumas enganosamente “cristãs”, e outras de índole ocultista, ou satanista, com os seus rituais demoníacos e de sacrifícios humanos, e de grupos organizados de “esquerda”, ou de “direita”, com profundas infiltrações nos governos em todo o mundo, desde o Vaticano até ao mais remoto povoado, e com extensas conexões na maçonaria e organizações secretas e, principalmente, nos sistemas de comunicação social e de entretenimento, além do perverso conluio entre banqueiros apátridas, o que lhes facilita e garante, o exercício de suas táticas de sabotagens, e de estratégias de desestruturação social e cultural.

      Essa estrangeira criatura das dez mil caras, o Judaísmo Internacional, sempre em movimentações de dissimulação e em atritos mais ou menos explícitos com as nações no seio das quais engorda e prospera, usa o manto da religião, e também o da universidade, para legitimar ou justificar a sua arraigada prepotência e arrogância, e cultivar o persistente rancor contra a humanidade… e depois, ainda juram de pés juntos que não são uma raça, que não são uma religião, e que em verdade não pertencem a organizações sionistas, nem à maçonaria da B’nai B’rith.

      Perguntar a um judeu o que é ser judeu, ou o que venha a ser o judaísmo, é ter a absoluta certeza de receber as mais enfatuadas respostas. E se você fizer a mesma pergunta a outro judeu, irá ouvir outras respostas completamente opostas às primeiras. E deste modo ladino, lá vão resguardando a ladina e manhosa maneira de atuarem sob antigos e labirínticos privilégios nas mais diversas áreas e camadas das nossas sociedades; são ateus, ou religiosos, ou filhos fanáticos de mães judias, bastardos, ou circuncisos, ou nada do que nos disseram antes, ou o que lhes for mais conveniente naquele lugar e naquele momento. Amanhã já serão outra coisa.

      Mas se você ainda quiser saber o que é um judeu, não pergunte a um deles, pois imediatamente você seria arrastado por um remoinho de evasivas e por uma avalanche de afirmações confusas e de manhoso obscurantismo, ou então, pelo aflito olhar de quem já se fez essa mesma pergunta sem realmente conseguir aceitar moralmente aquele triste legado, de ocultações e embustes, e de incessante rancor. Não pergunte a um judeu o que é o judaísmo, mas olhe bem à sua volta."
      Alfredo Braga

      Excluir
    3. Tem toda a razão no que disse Pri. :)

      Um beijinho minha querida Primavera e obrigada pelas boas palavras, que tem sempre para aninar a minha alma!

      Excluir
    4. Não pergunte a um judeu o que é o judaísmo, mas olhe bem à sua volta." O Alfredo Braga deu uma boa discrição,srrsrsrrs. Bem se esta a se tratar da mesma pessoa(Nelson)obrigada pelo alerta.

      Quanto aos agradecimentos não tem de que minha linda,as palavras apenas servem para demonstrar o carinho que tenho por ti!

      Excluir
    5. ""Não pergunte a um judeu o que é judaaismo, mas olhe bem à sua volta""........para falar a verdade também gostei, apesar de sermos perseguidos, expulsos, massacrados, depojados, humilhados, etc,etc, no judaismo não têm este negócio de depressão, baixa estima, ficar parado,olhar para trás, e assim por diante, nós sempre caimos em pé e olhando para frente, sempre criando, empreendendo, inovando, estudando, especializando e sempre trazendo progresso e desenvolvimento para a humanidade, aqueles que não entendem e ficam parados no lodo se sua inutil existência só resta nos invejar e nos odiar,pois de outra forma jamais conseguirão chegar aonde chegamos, não é nosso privilégio, mas qque é uma constante a isto é..............adorei a frase

      Excluir
    6. "No judaísmo não tem este negócio da depressão", Daí o Muro das Lamentações construído por um árabe, ou muçulmano. Paradoxal.

      Excluir
    7. Nossa como você é inteligente, esta ultima postagem somada ao fato de vc. ter descoberto que nelson e eu somos a mesma pessoa (apesar de jamais eu ter escondido isto) demonstra que realmente vc. está ácima da média do QI de uma ameba ..........parabéns......como percebi que vc. não enteu nada, da próxima vez escreverei mais devagar e se nem assim vc. entender me avisa que vou desenhar...............ridiculo

      Excluir
  4. Ao que eu saiba judaismo é uma religião assim vc. pode ser brasileiro judeu, portugueês muçulmano, e assim por diante..........a sim SOU BRASILEIRO JUDEU COM MUITO ORGULHO, nunca tãos poucos fizeram
    tanto pela humanidade quanto os judeus, E ISTO É UM FATO QUE NEM UM JUDEUFOBO COMO BRAGA CONSEGUE NEGAR, basta olhar em volta, nossa amiga lusitana, como todo anti-semita sempre repete o assunto da usura, etc,etc, mas ela se esquece daqueles que são médicos, cientistas, biologos, psicologos, restauradores de móveis, advogados, professores, escritores, artistas, etc,.......o que dizer dos portuguêses, fora padarias, como citado pela pri, pouco fizeram pela humanidade e quando fizeram se tratava de cristãos novos............mas sou a favor do convivio em paz e liberdade, infelizmente todo pais em que a igreja catolica teve muita influência o ranço anti-semita é muito forte e Portugal não foge deste estigma.......muito bom

    ResponderExcluir
  5. Que tal conhecermos ALFREDO BRAGA, que é tão vigorasamente citado por nossa amiga de além mar:.............este senhor que quer se passar por alguem de moral ilibada, já enfrentou processo de extradição apesar de ser naturalizado (alguém sabe porque??? pois deveriam)........vamos lá ALFREDO LUIZ TEIXEIRA SOARES BRAGA (esse só virou revinazista agora. O forte dele sempre foi a judeofobia)..... Tentou fazer mestrado em Curitiba, como professor de artes e o mesmo foi-lhe negado. Ele entrou na justiça e perdeu pois queria ganhar sem trabalhar e ainda ganhar bolsa de especialização. Um tremendo cara-de-pau! não só perdeu como foi demitido.......seguem links para quem quiser conhecer melhor esta criatura:

    http://www.jusbrasil.com.br/diarios/3314715/dou-secao-1-20-09-1977-pg-5

    http://www.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/4405201/apelacao-civel-e-reexame-necessario-apcvreex-1001223/inteiro-teor

    este não precisamos nem perguntar nem olhar a nossa volta......

    muito bom

    ResponderExcluir
  6. Nunca se esqeuça pri, o pessoal que esta ligado o braga e o castan são os mesmos que pedem a expulsão dos nordestinos, inclusive pernambucanos dos estados do sul e sudeste e que consideram os egros inferiores, e com esta gente que vc. vai se juntar ou abalisar???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então vamos analisar o ponto que está em questão, o que me diz do dos fatos que podem ser conferidos aqui:

      Grupo pede pela deportação imediata e sem piedade dos "infiltrados", africanos que moram no país( no blog que você já conhece Qual caminho seguir?)

      Enquanto celebravam a chegada de 229 novos imigrantes judeus dos Estados Unidos no aeroporto internacional de Tel Aviv, a organização reafirmou seu desejo de manter o critério religioso para a entrada de novos habitantes no país.

      Excluir
    2. Resposta part I

      Pensei que o ponto que está em questão, fosse o assunto do tópico, que se trata da saída dos brasileiros de portugal, muitos devido a crise econômica e aos maus tratos, mas vamos lá:

      60.000 vou repetir para ficar bem gravado 60.000 infiltrados (tua expressão) sairam da eritréia e norte do Sudão (olhe no mapa para perceber a distância percorrida e a obstinação), devido a perseguições, assassinatos, limpeza étnica empreendida por muçulmanos contra cistãos, fome, miséria, etc, etc, e cruzaaram vários países para chegarem ao único porto seguro da região, ISRAEL, não foram para líbia, não foram para o egito, não foram para arabia saudita, não foram para Italia e muito menos PORTUGAL, foram para a terra santa de ISRAEL.........pois bem, o Brasil, que têm território astronômicamente mais vasto que Israel, que é governado por um partido que se diz pelo social e do povo e para o povo, governado por um partido de trabalhadores e portanto sensível aos anseios dos menos favorecidos BARROU a entrada dos ""infiltrados"" haitianos, que de forma analoga moram em um dos paises mais pobres do mundo, assolado por tragedias naturais e coisa e tal, agora pasmem quantos ""infiltrados"" haitianos adentraram o nosso pais??? resposta 4.000........esta percebendo a diferença e a magnitude??? 60.000 contra 4.000, o mais curioso, que segundo reportagem no jornal o estado de são paulo e do jornal nacional o número de estrangeiros fugindo da crise europeia que adentraram nosso pais cresceu absurdamente, portugueses, espanhois, etc,etc estes podem, estes não foram barrados, agora os coitadinhos dos haitianos, não podem........

      Excluir
    3. Resposta parte II

      ...........não te parece algo injusto, pois bem, países ao redor do mundo tomam medidas para proteger o INTERESSE NACIONAL mesmo que não entendamos mas se não for assim os estrangeiros ocuparão os cargos e empregos disponiveis e para os nativos e moradores do pais restara o desemprego e isto vc. acha justo???....os paises entendem que não, nos EUA há uma fiscalização ferrenha na fronteira do mexico para barrar a entrada, e o número de prisões e deportações é anualmente autissima, porém se vc. demonstrar que tem tantos US$ para investir no pais, tua entrada é permitida, injusto, talvez mas o raciocinio que investindo nos EUA, mais empregos serão criados, a econômia gira e o pais cresce, simples né???em Portugal por muito tempo os brasileiros eram extremamente mal vistos e muitas vezes associados a prostituição, na Espanha até visto de brasileiros passou a se exigir, na Grécia em crise um dos slogans utilizado em campanha era barrar a entrada de imigrantes, e te digo mais não só na grécia na europa inteira é um assunto recorrente e que têm causado varias discuções e antagonismos, mas repito em certas condições tua entrada é aceita e MUITO BEM VISTA, pois bem o que quero mostrar é que a situação de receber imigrantes, esta muito inerente a politica interna do pais, NÃO É EXCLUSIVIDADE DE ISRAEL, e não é Israel o unico lugar a tomar medidas semelhantes............ TUDO DEPENDE DE PROTEGER E RESGUARDAR O INTERESSE NACIONAL..............espero que com isto tenha ficado claro, OBVIAMENTE todo assunto que refere-se a ISRAEL ganha uma magnitude muito maior pois como vc. mesmo atestou , JAMAIS POSTOU UM ASSUNTO E/OU TÓPICO SOBRE OS IMIGRANTES HAITIANOS NO BRASIL AGORA SOBRE ISRAEL, não há como , de que outra forma vc. chamará a atenção para o vosso bog???

      Pri, aproveito para te dizer que achei brilhante as tuas palavras e vou repetir: ""....acho lamentável o tempo que as pessoas perdem querendo ou não provar quem é melhor ou pior visto estarmos na mesma situação...."" porém achei lamentável que frente as palavras da outra debatedora lusitana, com palavras extremamente racistas e anti-semitas, anda citando um doente judeufobo como braga, vc. se limitou a achar GRAÇA E CONCORDAR, cadê a coerência????...............sei que são amigas mas percebo que vc. tem luz e inteligência própria, não se deixe contaminar por idéias xenofobas e alieniginas, isto vale para teu esposo também a quem prezo muito.........abraços

      Excluir
    4. Pri... eu não disse que era o tal homenzinho das várias caras?! Cuidado, quem se mete com judeus leva! Para eles os outros é que não prestam e eles é que são bons, além de vítimas coitados!...assumem qualquer "perfil" (sem acesso, claro) ou personalidade. São ardilosos... como pode ver aqui no seu blogue e fazendo a conexão aos comentários no QCS e no GS... Viu?

      Em Cheio!!

      Um beijo minha querida.

      p.s. Alfredo Braga atinge-os no ponto fraco e por isso é-lhe vedado o acesso a tudo... é tudo assim... no youtube judeu não gosta, elimina-se, na BBC, na reuters, etc, etc.

      Já conseguiu ver a reportagem do Pilger, The War You Dont See?
      Estão constantemente a retirá-la da web.

      Eça de Queiroz tinha razão também, há mais de um século atrás, antes das guerras mundiais e holocaustos.

      Excluir
    5. Várias caras por que??? se a proprietária do blog perguntar responderie,mas não a você, têm pessoas feias tanto exteriormente como interiormente que poderiam poupar os leitores e visitantes de ver tamanha aberração em fotos.......pelas minhas postagens QUE NÃO FORAM CONTESTADAS APENAS ATACADAS, quero mostrar que os judeus são exatamentes iguais aos demais com qualidades e defeitos, com gente boa com gente ruim, com radicais e com liberais, com extremistas e com pessoas maleáveis, o que não dá é aceitar ideias pré concebidas, RACISTAS E ANTI-SEMITAS..........nossa amiga lusitana não vai parar de dar referências judeufobos, racistas e anti-semitas como nossa restauradora de móveis de minho é que não faltam, DAI DIZER QUE OS MESMOS ESCREVEM SEJA VERDADE HÁ UMA GRANDE DISTÂNCIA, saiba querida amiga do além mar, PAPEL ACEITA DE TUDO, sobre eça de queiroz não gosto prefiro MARK TWAIN DE 1899:

      ""ESCRITO POR MARK TWAIN - HARPER'S, SETEMBRO DE 1899
      Se as estatísticas estão corretas, os judeus constituem somente 1% da raça humana. Isto faz lembrar um sopro de poeira de estrelas da Via Láctea. Dificilmente, ouvia-se falar de um judeu, mas falava-se e sempre se falou. Sua importância na terra é como a de qualquer outro povo e sua relevância comercial está muito além da insignificância de sua capacidade.

      Suas contribuições para a lista mundial de grandes nomes da literatura, ciência, arte música finanças, medicina e saber obtuso também estão fora de proporção pela fragilidade dos números. O judeu conquistou seu lugar neste mundo em todas as épocas e o fez com as mãos atadas.

      Podia ficar orgulhoso de si e ser desculpado. Os egípcios, os babilônios e os persas ergueram-se, preencheram o planeta com som e esplendor, e murcharam desaparecendo gradualmente. Os gregos e romanos vieram em seguida fazendo um grande alarde para depois sumirem. Outros povos surgiram e durante algum tempo suas tochas permaneceram acesas. Mas, esvaeceram-se e hoje fazem parte do crepúsculo ou desapareceram.

      O judeu viu todos, os superou e hoje é o que sempre foi, não demonstra decadência nem desgaste pela idade, enfraquecimento das partes, diminuição de suas energias ou entorpecimento de sua mente alerta e agressiva. Todas as coisas são mortais, menos o judeu. Todas as outras forças passam, somente ele permanece.""

      gostaria de aproveitar e desejar a todos SHABAT SHALOM......
      ""

      Excluir
    6. Que tal Olive Schreiner:

      ""“Ser judeu, segundo uma escritora não judia, Olive Schreiner, romancista Sul Africana e militante social.

      “ De fato, é difícil para todas as outras nações do mundo viver em presença dos Judeus. É irritante e muito inconfortável.

      Os Judeus incomodam o mundo porque fizeram coisas estranhas, além da imaginação. Eles se tornaram morais desde o dia em que o patriarca deles, Abraão, introduziu no mundo modelos éticos mais elevados e o temor à D’us.

      Eles trouxeram ao mundo os dez mandamentos, que inúmeras nações preferem desafiar. Eles violaram as regras da história permanecendo vivos, contra as probabilidades do bom senso, e a evidência histórica. Eles sobreviveram à todos seus antigos inimigos, grandes impérios, tais como os Romanos e os Gregos. Eles colocaram o mundo em fúria, com seu retorno à sua pátria, após 2.000 anos de exílio e após o assassinato de seis milhões de seus irmãos e irmãs.

      Eles exauriram a espécie humana construído num piscar de olhos, um Estado democrático que outros não foram capazes de criar, mesmo em várias centenas de anos.

      Eles participaram de todos os esforços do progresso humano, quer seja na ciência, na medicina, na psicologia ou qualquer outra disciplina, e isto numa desproporção total em seu número real. Eles deram ao mundo a Bíblia e mesmo o “ Salvador “ deles.

      Os Judeus ensinaram ao mundo à não aceitar o mundo como ele é, mas à transformá-lo, e no entanto poucas nações quiseram ouvir. Ainda mais, os Judeus introduziram no mundo o D’us único, do qual so uma minoria aceitou retirar as conseqüências morais.

      Assim as nações do mundo acreditam que estariam perdidas sem os Judeus, enquanto seu subconsciente trata de lembrá-los, o quanto a civilização ocidental está enquadrada em termos de conceitos antes articulados pelos Judeus, fazendo o possível para suprimi-los. Eles negam que os Judeus lembram uma meta mais elevada de vida e a necessidade de ser honrado, fazendo todo o possível para escapar das conseqüências.

      Assim, as nações do mundo decidiram novamente de alguma maneira, encontrar um bastão para bater nos Judeus. A meta: provar que os Judeus são imorais e culpados de massacres e de genocídios.

      Tudo isto, de maneira à esconder e à justificar seus próprios revezes, à simplesmente protestar quando 6 milhões de Judeus foram conduzidos ao massacre de Auschwitz e de Dachau, para apagar a consciência moral que os Judeus lhes lembram : e eles encontraram um bastão.

      Nada podia ser mais gratificante , para eles, do que encontrar os Judeus em guerra com outro povo, contra quem os Judeus, devem se defender para sobreviver.

      Com grande satisfação, o mundo permite e reinicia a reescritura da história para alimentar a raiva de outro povo contra os Judeus. Isso apesar do fato de que as nações compreendem muito bem que a paz entre as partes, poderia ser discutida se os Judeus dispusessem de uma chance igual. Em vez disso, eles pularam de alegria no trem do ódio, para justificar sua inveja dos Judeus e sua incompetência em resolver seus próprios problemas morais.

      Quando os Judeus, observam o jogo bizarro que se passa em Haya, eles só podem sorrir, porque este jogo artificial só prova mais uma vez, quanto o mundo admite paradoxalmente, o caráter único dos Judeus. É a necessidade de minar os Judeus, que os faz na realidade elevá-los.

      A atitude da história da Europa, no correr dos séculos passados, nos ensina uma lição única: que as nações que receberam, e de uma certa forma trataram com justiça e clemência os Judeus, prosperaram, e que as nações que os torturaram e oprimiram , traçaram eles mesmos seu próprio flagelo”

      Excluir
    7. Então vamos por partes, quando você diz:

      quero mostrar que os judeus são exatamentes iguais aos demais com qualidades e defeitos, com gente boa com gente ruim, com radicais e com liberais, com extremistas e com pessoas maleáveis, o que não dá é aceitar ideias pré concebidas.

      Estou de pleno acordo com sua declaração e lhe digo que aqui em meu blog não verás um post que acusa a você ou os de sua nacionalidade disto ou daquilo,o que procuro mostrar através dos post é que existe o outro lado da moeda que também merece atenção, inclusive que a classe de judeus que se auto-flagelam baseados num holocausto único da história.

      Parte 2:

      têm pessoas feias tanto exteriormente como interiormente que poderiam poupar os leitores e visitantes de ver tamanha aberração em fotos.


      Já somos bem grandinhos para troca de farpas infantis, não é com insultos que vamos fazer valer nossa opinião.
      E a Fada é uma amiga muito querida por mim, não a motivo para destratá-la.


      Parte 3:

      Você é bem vindo aqui para expor seu ponto de vista desde já sou grata!

      Excluir
    8. Pri,
      De maneira geral gostei da resposta, ficaria contente que vc. me explicasse ""que exitem uma classe de judeus que se auto-flagelam baseados em um holocausto único da história"".............primeiro na história da humanidade INFELIZMENTE, os judeus passaram por vários holocaustos, quer seja nos progroms da russia e leste europeu, quer seja na inquisição portuguesa e espanhola quer seja duraante o nazismo na alemanha.........se vc. se refere a este último com intuito de dizer que outras minorias também foram perseguidas, tais como ciganos, sérvios, homossexuais, comunistas, deficientes mentais, etc,etc e que os judeus apenas foram mais uns, bom primeiro os judeus reclamam e protestam por isto se os outros não o fazem caberia inquerir os mesmos, os judeus sabem reverênciar e manter vivo aqueles que se foram vitimas das bestas nazistas, nós protestamos, lembramos e dizemos a todos jamais esqueceremos, até hoje este foi o maior assassinato sistematico ocorrido nda história da humanidade e por que deveriamos esquecer??? ....... vc. há de concordar que têm uma turminha que esta fazendo um esforço sobre humano para diminuir a magnitude deste e de até justificar o injustificavel e fazer parecer que nada aconteceu, pri o anti-semitismo muda a roupagem mas infelizmente este câncer jamais desaparece.........por favor se vc. for mais clara neste ponto ficarei contente...........quano sua amiga lusitana, note que ela vêm ao ataque com mentiras, calunias ideias pré concebidas, artigos racistas e pessoa de idoneidade discutivel e de carater duvidoso e eu tenho que aguentar suas palavras mudo sem rebater, desculpe a época em que os judeus caminhavaam em fila em direção as câmaras de gás sem protestar acabou, se ela quiser ser e agir como um animal, note que rebaterie da mesma forma e com as mesmas armas, vc. como mediadora que controle o impeto e as bobagens de nossa amiga de minho/portugal...........FICA COM DEUS

      Excluir
  7. DE RESTO FICARIA CONTENTE EM SABER QUEM É LORENZO QUE HABITA NO BLOG DO BRITTO CAPPA.......................pois uma cóisa é certa que não é teu marido isto tenho certeza, com esta certeza não entendo por que ele se presta a ser testa de ferro do mesmo???....................abraços

    ResponderExcluir